Keiko Ota é contra o fundo eleitoral

Parlamentar foi ovacionada após declarar sua posição nas redes sociais

Keiko Ota é contra o fundo eleitoral

Na urgência de aprovar o projeto que cria o fundo eleitoral para financiar campanha política, o plenário da Câmara dos Deputados colocou em votação um requerimento de urgência para apreciar um texto aprovado no Senado que cria esse fundo eleitoral.

Eram necessários pelo menos 257 votos, mas o requerimento obteve apenas 207 votos favoráveis. A deputada federal Keiko Ota votou contra o requerimento de urgência para o fundo eleitoral.

Ota também declarou-se contra a criação do fundo eleitoral proposto pela Câmara dos Deputados nas redes sociais. A repercussão foi extensa, na medida em que a população elogiou a atuação da parlamentar.

“Já existe o fundo partidário para esse fim. Não vejo necessidade de criar mais um fundo eleitoral com dinheiro público para eleger quem serve ao povo”, comentou Ota. Em sua primeira eleição, Keiko foi a a deputada federal mais bem votada do Estado de São Paulo, com mais de 210 mil votos.